MP apreende 18 toneladas de alimentos impróprios para consumo em São Borja; FOTOS


Mercados, açougues e frigoríficos fiscalizados continham alimentos de origem animal vencidos e em condições insalubres. Ação ocorreu entre quarta (28) e quinta-feira (29). Os locais foram autuados e multados. Operação identificou produtos reembalados e com prazo de validade vencido MP/Divulgação 🚔🥩 Uma operação do Ministério Público autuou sete estabelecimentos comerciais, após apreender 18 toneladas de alimentos e produtos impróprios para o consumo, em São Borja, na Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul. A ação ocorreu entre quarta (28) e quinta-feira (29). 🛒 Os mercados, açougues e frigoríficos fiscalizados continham alimentos de origem animal mal refrigerados e farináceos vencidos. Veja mais fotos abaixo – imagens fortes. 👮 Nos locais, os agentes encontraram moscas nos insumos, produtos sem procedência – com a validade vencida ou sem data de validade –, alimentos armazenados de forma inadequada e fora da temperatura indicada. Operação fiscalizou condições de alimentos e produtos em São Borja, no RS MP/Divulgação Segundo informações do 2º Grupo de Polícia Militar Ambiental de São Borja, alguns itens estavam vencidos havia um mês. 🧀 Carnes, margarinas e requeijão reembalados e com rótulos falsificados foram as principais irregularidades constatadas pela operação. Os estabelecimentos fiscalizados foram autuados e multados. 🍖Conforme o MP, foram encontradas grande quantidade de cerveja, carnes, óleos de soja e carvão argentino de descaminho – caracterizado pelo ingresso irregular de produto de origem estrangeira no Brasil, sem os necessários trâmites aduaneiros –, energéticos vencidos. Outros produtos, como álcool 92,8°, de venda proibida em mercados, foram apreendidos de forma cautelar. A operação do Ministério Público contou com a participação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO/MPRS), de Secretarias do RS, da Vigilância Sanitária Municipal, do Serviço de Inspeção Municipal de São Borja, da Delegacia de Polícia de Proteção ao Consumidor (DECON), da Brigada Militar e da Patrulha Ambiental da Brigada Militar (PATRAM). Imagens da operação em São Borja: Atenção, imagens fortes! g1 Em São Borja, carnes estavam em condições impróprias para consumo MP/Divulgação Embutidos foram encontrados em condição insalubre MP/Divulgação MP autuou estabelecimentos em São Borja dada a situação dos produtos e alimentos MP/Divulgação VÍDEOS: Tudo sobre o RS

source https://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2024/03/01/mp-apreende-18-toneladas-de-alimentos-improprios-para-consumo-em-sao-borja-fotos.ghtml
Close Menu