Onça-parda morre após ser atropelada na SP-255 em Santa Lúcia


Animal, que foi atingido por um Honda e outros veículos teve o corpo destroçado. Onça-parda no momento da soltura pela Associação Mata Ciliar (foto de arquivo) Associação Mata Ciliar Uma onça-parda foi atropelada, na madrugada deste domingo, na rodovia Antônio Machado Santana (SP 255), no município de Santa Lúcia (SP). Compartilhe no WhatsApp Compartilhe no Telegram Um Honda, com dois homens e duas mulheres, bateu no animal, que ficou na pista e foi atropelado por outros carros. O corpo do animal ficou destroçado. As pessoas que estavam no carro não ficaram feridas. LEIA MAIS: Animal na pista? Especialista explica como evitar acidentes e o que fazer após atropelamento Atropelamentos estão entre as principais causas de morte de animais silvestres no Brasil Onça-parda Também conhecida como suçuarana, puma, onça-vermelha e leão-baio, a onça-parda (Puma concolor) é a segunda maior espécie de felino do Brasil, só ficando atrás da onça-pintada (Panthera onca). Tem corpo alongado, com até 1,08 metro de comprimento. A cauda longa mede até 61 centímetros e a altura é de 63 centímetros. O macho adulto pode pesar por volta de 70 kg, mas pode chegar até 100 kg. A pelagem da suçuarana tem coloração uniforme, variando entre marrom-acinzentado bem claro e marrom-avermelhado escuro. Geralmente os animais que vivem em florestas são menores e mais escuros e os que habitam regiões montanhosas são maiores e mais claros. Onça-parda Arte g1/Wagner Magalhães Veja mais notícias da região no g1 São Carlos e Araraquara

source https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/2023/06/04/onca-parda-morre-apos-ser-atropelada-na-sp-255-em-santa-lucia.ghtml
Close Menu