Quadro de jurados para carnaval de SP em 2025 será reformulado, diz Liga


Liga das Escolas de Samba de São Paulo afirmou que irá buscar profissionais renomados e experientes para liderar o processo 'com uma gestão comprometida com a imparcialidade'. Sambódromo do Anhembi Gustavo Honório/g1 A Liga das Escolas de Samba de São Paulo divulgou na noite da quinta-feira (7) que irá reformular o quadro de julgadores e coordenadores do processo de avaliação dos desfiles para o carnaval de 2025. Neste ano, uma outra mudança foi na "voz" da apuração. O posto foi assumido pela paulistana, locutora de rádio e cantora por hobby Eloise Matos após os 30 anos de Antônio Pereira da Silva, o Zulu, de 75 anos, na função e famoso pela frase "Noooota: dez!". Ao g1, Zulu contou que chegou a hora de descansar, mas não de se aposentar. "Com um compromisso contínuo em busca do melhor julgamento das escolas de samba e com as mudanças nos critérios de julgamento, reconhecemos a necessidade de novas mudanças e decidimos por unanimidade dos presidentes presentes nas reuniões plenárias (assembleias), com os três grupos que compõem a Liga-SP, implementar a troca integral da estrutura de julgadores, com o objetivo de refazer todos os treinamentos para fortalecer a qualidade das avaliações", afirmou a Liga. A entidade afirmou que irá buscar profissionais renomados e experientes para liderar o processo "com uma gestão comprometida com a imparcialidade". "A nova equipe de coordenação trabalhará em estreita colaboração com os julgadores para garantir que o resultado de carnaval seja conduzido sempre de forma equitativa. Essa iniciativa reflete o nosso constante empenho em aprimorar a qualidade do Carnaval de São Paulo, proporcionando um ambiente competitivo e saudável e valorizando a rica tradição cultural das escolas de samba. Ao promover essa reformulação, reafirmamos o nosso compromisso de oferecer aos sambistas um espetáculo ainda mais grandioso em 2025." Neste ano, a jurada Bia Cagliani se esqueceu de dar a nota de evolução para a escola Império de Casa Verde e a Liga das Escolas de Samba fez uma média aritmética para chegar a um número. A média aritmética foi feita a partir das últimas notas da escola, e depois a direção arredondou para cima. Ao final, a Império ficou com 10. A Mocidade Alegre conquistou o título do carnaval 2024 em São Paulo. A Dragões da Real ficou com o vice-campeonato. Independente Tricolor e Tom Maior foram rebaixadas. Como a Mocidade Alegre e a Dragões da Real tiveram a mesma pontuação final, o desempate foi decidido pela soma das notas descartadas, como prevê o regulamento. A Mocidade ficou três décimos à frente da Dragões - com 89,7 e 89,4, respectivamente.

source https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/carnaval/2024/noticia/2024/03/08/quadro-de-jurados-para-carnaval-de-sp-em-2025-sera-reformulado-diz-liga.ghtml
Close Menu