Na rua de casa, a caminho do trabalho, nas festas: Profissão Repórter alerta sobre roubos e furtos de celular


O Profissão Repórter desta terça-feira (27) mostra o trabalho da polícia para tentar coibir esse tipo crime e recuperar aparelhos, e ouve o depoimento de vítimas e moradores das regiões mais afetadas. Na rua de casa, a caminho do trabalho, nas festas: Profissão Repórter alerta sobre roubos e furtos de celular Na rua de casa, a caminho do trabalho ou nas festas de rua, os casos de roubos e furtos de celular na capital paulista são cada vez mais recorrentes. Somente em 2023, foram mais de 103 mil casos de furtos registrados na cidade. O Profissão Repórter desta terça-feira (27), mostrou o trabalho da polícia para tentar coibir esse tipo crime e recuperar aparelhos. A reportagem ouviu os depoimentos de vítimas e moradores das regiões mais afetadas. Leia abaixo. 'Tomei um soco', 'dilaceraram minha boca': os relatos de vítimas 'Tomei um soco', 'carnaval para mim acabou': os relatos de vítimas de roubo de celular no carnaval de SP Durante o Carnaval, a equipe fez plantão em uma das delegacias de polícia mais movimentadas do centro de São Paulo. Foram 20 casos em apenas dois dias, vários deles com agressão às vítimas. Veja no vídeo acima. "Eu estava no bloco e tomei um soco no nariz, por isso estou todo ensanguentado. Era um grupo de uns três, quatro rapazes", contou Gustavo Sabino, uma das vítimas agredidas durante o roubo. O mesmo aconteceu com Ricardo Lima, que saiu de Florianópolis para curtir os blocos de rua da cidade. "Comigo foi a mesma abordagem. Eles dilaceraram a minha boca. Eu tomei três pontos. Eu adoro o carnaval, mas é uma data que, infelizmente, não dá pra fazer mais nada. Prefiro ficar em casa e preservar a minha vida". 'Carnaval para mim acabou': os relatos de vítimas de roubo de celular no carnaval de SP Reprodução/TV Globo Na delegacia de polícia, a equipe ainda conheceu Iranildo Mendes, que teve seu celular roubado por um grupo de cerca de 15 pessoas que o agrediram violentamente durante o assalto. “Segurei ele, estou até com o dedo doendo. Mas tinham 15. Levei um murro no olho que sangrou”. Cabelereiro que teve celular roubado em SP rastreia aparelho em prédio na rua Guaianases Em nota, a Secretaria de Segurança Pública informou que durante o carnaval houve uma diminuição de 48% nas ocorrências de furtos e roubos de celulares em São Paulo em comparação de 2023. Nos bloquinhos da capital, 59 suspeitos foram presos em flagrante. Foram recuperados 189 celulares apreendidos e quase 600 cartões bancários. Cidade de SP registra ao menos 300 roubos e furtos de celulares durante o carnaval Bairro nobre de SP é a área com maior casos na cidade ‘Tem assalto todos os dias’: ladrões intimidam e cercam pessoas para roubar celulares em bairro nobre da Zona Sul de SP Caco Barcellos percorreu regiões com maior aumento de furto e roubo e ouviu o relato de moradores e vítimas. Moema, bairro de classe média alta da Zona Sul de São Paulo, é área onde o roubo de celular mais cresceu na cidade: foram 1.529 furtos ou roubos de celulares no bairro em 2023. Os registros de câmeras de segurança impressionam pela violência. Além dos ladrões que circulam em bicicletas, grupos de dois ou três motoqueiros armados intimidam e cercam pessoas no meio da rua para roubar celulares (veja no vídeo acima). "Evito usar o celular na rua. No mundo que nós estamos hoje, você tem um celular seu, quando você precisa, e às vezes você não usa para não perder”, afirmou o zelador Ernanes Costa. Ladrões intimidam e cercam pessoas para roubar celulares em bairro nobre da Zona Sul de SP Reprodução/TV Globo Na mesma área, fica uma grande escola particular de São Paulo. Para tranquilizar pais e alunos e diminuir a insegurança, a instituição investe R$ 300 mil por ano em equipe de segurança privada e treinamento de funcionários. “Há uma grande preocupação da escola porque ela envolve um custo para escola em tentar minimizar esses tipos de assaltos e furtos aqui pelo entorno“, contou Rodrigo Mourão de Andrade, diretor de operações da escola. Após onda de roubo de celulares, escola particular em Moema investe R$ 300 mil por ano em segurança Reprodução/TV Globo Operação na rua Guaianases: mais de 1,4 mil aparelhos apreendidos Esquema de receptação de celulares furtados e roubados é descoberto em prédio no Centro de SP No Centro de São Paulo, o Profissão Repórter mostrou o trabalho da Polícia Civil para recuperar celulares. O foco das investigações é a rua Guaianases onde, apenas no ano passado, mais de 1.400 aparelhos foram apreendidos. Os policiais do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) gravaram a movimentação dos suspeitos durante meses, antes de realizar as operações (veja no vídeo acima). Esquema de receptação de celulares furtados e roubados é descoberto em prédio no Centro de SP Reprodução/TV Globo Eles descobriram um esquema de receptação, uma quadrilha que distribuía celulares roubados e furtados, e os enviava até para outros países. “Eles estão encaminhando para países de origem africana, especialmente, Senegal, onde é feita a utilização desse aparelho lá, isso porque aqui no Brasil nós temos na Anatel, o bloqueio daqueles telefones que são roubados ou furtados, mas não há uma correspondência da Agência Nacional de Telecomunicações com esses países. E sendo assim, esse bloqueio que é efetuado aqui, é como se não existisse lá”, explicou Wagner Carrasco, delegado da 1ª DIG/DEIC. Esquema de receptação de celulares furtados e roubados é descoberto em prédio no Centro de SP Reprodução/TV Globo Por meio de nota, a SSP informou que de janeiro de 2023 até janeiro deste ano 640 pessoas foram presas na capital em operação contra receptação e que mais de 5,6 mil celulares apreendidos no mesmo período. LEIA TAMBÉM: Rua Guaianases, localizada por médico nas redes sociais, é 'ninho de celulares roubados' no Centro de SP e alvo de operações VÍDEO: Policial civil é baleado e morto por motociclista em assalto na Zona Oeste de SP Adolescente de 15 anos é baleado durante assalto na Pompeia, em SP; vídeo mostra ação dos criminosos Veja a íntegra do programa abaixo: Edição de 27/02/2024 Confira as últimas reportagens do Profissão Repórter abaixo:

source https://g1.globo.com/profissao-reporter/noticia/2024/02/28/na-rua-de-casa-a-caminho-do-trabalho-nas-festas-profissao-reporter-alerta-sobre-roubos-e-furtos-de-celular.ghtml
Close Menu