carnaval de ofertas

Explosão de prédio em Porto Alegre: o que se sabe e o que falta saber


Vazamento de gás causou explosão que deixou nove feridos na madrugada de quinta-feira (4). Causas são investigadas. Perícia vai apontar como gás vazou no condomínio que teve explosão em Porto Alegre Um prédio foi atingido por uma explosão na madrugada desta quinta-feira (4) no bairro Rubem Berta, Zona Norte de Porto Alegre. Nove pessoas ficaram feridas, das quais duas em estado grave. Moradores foram removidos do condomínio. As causas do acidente são investigadas. 📲 Acesse o canal do g1 RS no WhatsApp Veja abaixo o que já se sabe e o que falta saber sobre a explosão: Como aconteceu a explosão? O que causou a explosão? Quantas pessoas ficaram feridas e o que causou os ferimentos? Quantos apartamentos estavam ocupados? O prédio será implodido? Para onde foram os moradores? Prédios foram esvaziados após explosão em uma das unidades, no bairro Rubem Berta, Zona Norte de Porto Alegre Reprodução/RBS TV 1. Como aconteceu a explosão? Por volta da meia-noite um forte cheiro de gás tomou conta dos corredores do bloco 10. Assustados, moradores chamaram os bombeiros. Enquanto eles atendiam a ocorrência, aconteceu a explosão em um dos apartamentos. Moradores relatam que houve tremor nos prédios e fogo nos corredores. Todos foram levados para fora e todas as mais de 20 unidades do condomínio foram imediatamente interditadas. Os bombeiros controlaram as chamas, e os feridos foram encaminhados para atendimento. 2. O que causou a explosão? A principal hipótese é de vazamento de gás GLP, conforme o Corpo de Bombeiros. Segundo o comandante regional da corporação, Ricardo Mattei, "praticamente todos" os moradores relataram ter sentido cheiro do gás. "Na verdade é um gás inodoro, mas é colocado um componente que aquele é o que dá aquele odor forte, que é justamente para poder identificar". Segundo o comandante, no dia anterior, houve falta de gás no prédio. A hipótese levantada pelos bombeiros é a de que pode ter acontecido de alguém ter aberto o registro e esquecido de fechar. Registro da explosão que atingiu prédio em Porto Alegre Reprodução/RBS TV Mattei relata que não é necessário um grande volume de gás para causar "um grande estrago". Ele afirma que "é literalmente uma bomba", que só "precisa de um centelha" para explodir, centelha essa que pode ser causada por praticamente "qualquer coisa". "Parte elétrica, estática, tecido, roupa, celular, qualquer coisa", diz. As causas são investigadas pelo Instituto Geral de Perícias, que ainda não tem prazo para finalizar os trabalhos. 3. Quantas pessoas ficaram feridas e o que causou os ferimentos? Nove pessoas, que ainda não haviam sido identificadas até a mais recente atualização dessa reportagem, sofreram ferimentos em função da explosão. Cinco receberam atendimento e foram liberados ainda durante a manhã. Uma sexta pessoa, um bombeiro, precisou de cuidados em razão de queimaduras na face, mas também recebeu alta ao longo do dia. Duas pessoas ficaram em estado grave em razão de queimaduras. Elas estavam internadas na UTI do Hospital Cristo Redentor até a mais recente atualização desta reportagem. Bloco dez foi atingido por explosão causada por vazamento de gás, segundo bombeiros Reprodução/RBS TV 4. Quantos apartamentos estavam ocupados? Todos os apartamentos do prédio atingido estavam ocupados. Porém, entre todo o condomínio, cerca de 50% das unidades estão sem habitantes. 5. O prédio será implodido? O prédio passou por análise da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros e do Instituto Geral de Perícias. Um perito também foi acionado pela construtora do condomínio, a Tenda. Até a última atualização desta reportagem, não havia definição quanto à demolição do local. Conforme os bombeiros, há risco iminente de colapso. LEIA TAMBÉM Destroços, estilhaços e paredes queimadas: como ficou por dentro o prédio Antes, durante e depois: veja como era e como ficou prédio 'Peguei pelo ombro e fui guiando para não se machucar mais', diz menino de 13 anos que ajudou bombeiro após explosão 6. Para onde foram os moradores? Parte foi para casas de parentes e parte se abrigou no salão de festas do condomínio. Foram oferecidas vagas em albergues na cidade. Segundo a Defesa Civil, durante a tarde, moradores de unidades afastadas do prédio atingido foram autorizados a retornar. O local afetado e prédios ao redor dele seguem isolados. Veja como ficou por dentro o prédio atingido por explosão em Porto Alegre Veja o prédio no momento do incêndio e como ele ficou Initial plugin text Explosão em condomínio deixa nove feridos em Porto Alegre g1 VÍDEOS: Tudo sobre o RS

source https://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2024/01/05/explosao-de-predio-em-porto-alegre-o-que-se-sabe-e-o-que-falta-saber.ghtml
Postagem Anterior Próxima Postagem