carnaval de ofertas

Do pouso até acidente: qual foi a trajeto feito pelo helicóptero que caiu em área de mata em SP


Helicóptero partiu do Campo de Marte, na capital paulista, e chegou a pousar em Paraibuna, no interior de SP, onde caiu e foi encontrado nesta sexta-feira (12). Helicóptero que desapareceu com 4 pessoas a caminho do Litoral Norte de SP. André de Sousa O helicóptero Robinson R44, que estava desaparecido desde o dia 31 de dezembro após partir de São Paulo rumo à Ilhabela, no litoral norte, foi localizado na sexta-feira (12), em Paraibuna, no interior de SP, após 12 dias de buscas. Nenhum dos quatro ocupantes sobreviveu. ✅ Clique aqui para seguir o canal do g1 Vale do Paraíba e região no WhatsApp Desde o dia 1º, a Força Aérea Brasileira (FAB), a Polícia Militar, Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros reuniam possíveis pistas para encontrar o helicóptero e tentavam traçar o caminho feito pela aeronave, através de mensagens trocadas pelos passageiros e captação de sinais de celulares por uma antena em Paraibuna. Trajeto Eram 13h15 do dia 31 de dezembro quando a aeronave modelo Robinson R44, prefixo PRHDB, decolou do Campo de Marte, na capital paulista. Com três passageiros -- Luciana Rodzewics, Letícia Rodzewics e Raphael Torres --, o piloto Cassiano Teodoro tinha como objetivo chegar em Ilhabela. O que o piloto não esperava, no entanto, era que as más condições do tempo atrapalhassem o trajeto rumo ao litoral paulista -- onde os três passageiros passariam o réveillon. Antes de helicoptero desaparecer, passageira enviou vídeo para namorado: 'Tempo ruim' Cerca de 50 minutos depois da decolagem em São Paulo, imagens feitas por câmeras de segurança da Rodovia dos Tamoios, na altura do Km 58, em Paraibuna, mostraram supostamente o helicóptero por volta das 14h07 e 14h13. Ainda em Paraibuna -- local onde a aeronave foi localizada nesta sexta --, às 14h09 do dia 31, Letícia trocou mensagens com o namorado. Na ocasião, ela enviou uma foto do pouso de emergência que foi feito próximo à represa de Paraibuna, dizendo que "não dava para passar" e que o tempo estava ruim. LEIA TAMBÉM Quem eram os ocupantes que estavam em aeronave a caminho do litoral de SP PM descarta resgatar corpos de vítimas de acidente com helicóptero nesta sexta Como é o local onde helicóptero que estava desaparecido foi encontrado Rastreio de celular e buscas em área menor: a mudança de tática que fez a polícia achar o helicóptero Quase 40 minutos depois, Letícia enviou um vídeo de três segundos ao namorado, com o helicóptero no ar, mostrando as condições climáticas desfavoráveis. Às 14h49, o piloto da aeronave, Cassiano Teodoro, ligou para o responsável pelo heliponto de Ilhabela. Na ligação, ele relatou ao responsável que estava com dificuldades de cruzar a serra devido ao mau tempo. Por fim, a última comunicação feita na aeronave aconteceu às 14h55 do dia 31, quando Cassiano voltou a ligar para o controle do heliponto. A conversa foi curta, apenas com a informação do piloto de que tentaria seguir para Ilhabela. O piloto do helicóptero desaparecido ligou para o heliponto de Ilhabela Apesar da longa permanência em Paraibuna e da afirmação de que tentaria seguir para Ilhabela, Cassiano tentou retornar com a aeronave para São Paulo -- segundo informou a Polícia em entrevista coletiva nesta sexta-feira. "Ele saiu, voou um pouquinho, ficou tentando escapar das nuvens, com a intenção de retornar para São Paulo, não de prosseguir para Ilhabela, e não conseguiu, infelizmente", explicou o diretor do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope), Paulo Sério Rios Campos Mello. Veja mais notícias do Vale do Paraíba e região bragantina

source https://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/2024/01/13/do-pouso-ate-acidente-qual-foi-a-trajeto-feito-pelo-helicoptero-que-caiu-em-area-de-mata-em-sp.ghtml
Postagem Anterior Próxima Postagem