De psicólogo a assistente social: Hospital das Clínicas tem atendimento especializado para vítimas de violência sexual no ES


Projeto funciona 24 horas em um espaço com privacidade dentro do hospital universitário, em Vitória. Serviço é gratuito e ligado à Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). Hucam tem atendimento especializado para vítimas de violência sexual Vítimas de violência sexual podem procurar ajuda em um projeto gratuito oferecido dentro do Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes (Hucam), ou Hospital das Clínicas, ligado à Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). É o Programa de Atendimento às Vítimas de Violência Sexual (Pavivis), que oferece atendimento de psicólogo a assistente social. Compartilhe no WhatsApp Compartilhe no Telegram O Pavivis funciona 24 horas dentro do Hospital Universitário, em Maruípe, Vitória, em um prédio separado do restante do hospital, para dar privacidade à vítima. O programa é formado por professoras, estudantes de graduação extensionistas e estagiários, e profissionais externos à universidade. Na equipe médica, há ginecologistas e obstetras, médica psiquiatra, enfermeira, psicólogas e assistente social. 📲 Clique aqui para seguir o canal do g1 ES no WhatsApp Profissionais da saúde dão suporte a vítimas de violência sexual no Hucam Rodrigo Gomes/TV Gazeta Os profissionais encorajam as vítimas para que denunciem a violência e façam o registro na polícia. Porém, o registro não é obrigatório para participação no programa. As vítimas podem procurar o Pavivis antes mesmo de ir até a delegacia. O atendimento urgente é realizado pelos plantonistas na maternidade do Hucam, enquanto os demais serviços, como agendamento de consultas e acompanhamento, são feitos das 8 às 16 horas. O paciente pode procurar diretamente o programa. Porém, órgãos como as delegacias da Mulher, a de Proteção à Criança e ao Adolescente e o Departamento Médico Legal (DML) também podem encaminhar a vítima para atendimento. Perfil das vítimas Dados mostram que a maioria das vítimas que foram atendidas pelo Pavivis no ano passado chegaram ao programa sem passar por nenhum outro órgão. Outra parte veio do DML, de delegacias e de outras instituições. Perfil das vítimas atendidas pelo Pavivis Reprodução/TV Gazeta A maior parte dos pacientes tem entre 19 e 35 anos. Mas o número de menores de idade atendidos também chama a atenção: quase 40%. Perfil das vítimas atendidas pelo Pavivis Reprodução/TV Gazeta A maioria se declara parda, tem ensino fundamental ou médio. Das vítimas, 97% são mulheres. Mas homens também foram atendidos. Perfil das vítimas atendidas no Pavivis Reprodução/TV Gazeta Outros dados que chamam a atenção são sobre o perfil dos agressores. A maioria é conhecida ou tem vínculo familiar com as vítimas. As violências acontecem principalmente dentro de casa. Perfil das vítimas atendidas no Pavivis Reprodução/TV Gazeta Perfil das vítimas atendidas no Pavivis Reprodução/TV Gazeta Vídeos: tudo sobre o Espírito Santo Veja o plantão de últimas notícias do g1 Espírito Santo

source https://g1.globo.com/es/espirito-santo/noticia/2023/12/16/de-psicologo-a-assistente-social-hospital-das-clinicas-tem-atendimento-especializado-para-vitimas-de-violencia-sexual-no-es.ghtml
Close Menu