".

Das lives ao quadrinho: entenda o processo de adaptação do universo Ordem Paranormal, criado por Cellbit


Franquia criada pelo streamer Rafael Lange, o Cellbit, se consolida com a publicação da história em quadrinho "O Segredo na Floresta: Parte 1". Obra lançada por editora de Porto Alegre adapta sessões de jogo transmitidas ao vivo na internet às páginas. Das lives ao quadrinho: entenda o processo de adaptação do universo Ordem Paranormal Mistério e investigação são as essências de Ordem Paranormal, um mundo ficcional criado pelo produtor de conteúdo e streamer Rafael Lange, o Cellbit, que ganhou uma nova dimensão com a publicação da história em quadrinho O Segredo na Floresta: Parte 1. Lançada em dezembro pela Jambô, editora de Porto Alegre, a obra adapta às páginas a narrativa da segunda temporada de um RPG transmitido e jogado ao vivo na internet. 📲 Acesse o canal do g1 RS no WhatsApp Com direção de Lange, roteiro de Fábio Yabu e ilustrações de Akila Gabriel – referências em escrita e design gráfico – a história em quadrinho situa o leitor na trama de um enigmático desaparecimento que se desenrola na cidade fictícia de Carpazinha, localizada no interior do Rio Grande do Sul. 🤔Você nunca ouviu falar em Ordem Paranormal, Segredo na Floresta ou RPG? O g1 explica nesta matéria. O que é um mundo ficcional? O que é Ordem Paranormal e RPG? Expansão para histórias em quadrinhos Como se adapta uma temporada de RPG para um quadrinho? Por que O Segredo na Floresta se passa no RS? Game de Ordem Paranormal chega em 2024 O que é um mundo ficcional? Sabe quando você imagina uma história ou desenha um mapa de um lugar que não existe de verdade? Um mundo ou universo ficcional é algo assim, só que ainda mais elaborado. É um lugar imaginado e criado por alguém, com regras próprias, personagens e narrativas. Ele pode se materializar através de livros, quadrinhos, jogos, interpretações e brincadeiras. "Esse mundo pode ser mais ou menos parecido com o nosso, mas é um mundo imaginado, no qual as histórias vão acontecer", explica Suely Fragoso, professora-titular da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e coordenadora do Laboratório de Artefatos Digitais (LAD). A concepção do universo Ordem Paranormal é do streamer brasileiro, criador e produtor de conteúdo Rafael Lange, o Cellbit – apelido que dá nome ao canal mantido na plataforma de streaming de vídeo ao vivo Twitch, onde possui mais de 2 milhões de seguidores. Voltar ao começo O que é Ordem Paranormal e RPG? Sessão de jogo transmitida ao vivo e adaptada para os quadrinhos. Reprodução / Rafael Lange Ordem Paranormal é um projeto de universo ficcional que mistura elementos de mistério, suspense e sobrenatural. Na internet, a ideia começou como um roleplaying game (RPG) de mesa, que é um tipo de jogo onde os participantes criam personagens, os interpretam e vivenciam aventuras. Nesse universo, os participantes são guiados por uma pessoa que narra a história e define as regras – o mestre do jogo. Com sessões de jogo transmitidas ao vivo e divididas em temporadas, esse RPG consiste em missões investigativas de eventos paranormais. Há uma equipe protagonista, diversos personagens, um mestre, monstros, criaturas míticas que compõem o bestiário e enigmas. Voltar ao começo Expansão para histórias em quadrinhos O Segredo na Floresta foi a temporada que consolidou a serialização de Ordem Paranormal. “Onde eu comecei a expandir todos os conceitos para desenvolver um universo próprio”, conta Rafael Lange. Jambô, editora de Porto Alegre, lançou em dezembro os quadrinhos de O Segredo na Floresta. Divulgação / Guilherme Dei Svaldi Para o criador de conteúdo, “como o formato original se trata de longos episódios, o ritmo mais lento de uma partida de RPG pode não ser o ideal para todos”. Assim, a adaptação das lives de jogo às histórias em quadrinhos é uma estratégia de tornar o universo acessível a um público amplo, pois elas “são um tipo de mídia fácil de consumir, podendo revisitar a narrativa e conhecer novos elementos”, enfatiza. Quadrinho narra história de mistério que se passa em cidade fictícia do RS Divulgação / Jambô Editora Apesar da mudança da mídia digital para a física, Lange garante que a essência de Segredo na Floresta se mantém. "O sentimento geral precisa ser o mesmo, os acontecimentos narrativos também. Algumas cenas icônicas não podem faltar e precisam aparecer quase de maneira idênticas. Piadinhas que aconteceram e marcaram a comunidade são referenciadas ou transformadas para a surpresa de quem já é fã”, promete. Voltar ao começo Como se adapta uma temporada de RPG para um quadrinho? Etapas da produção da graphic novel O segredo na Floresta. Divulgação / Guilherme Dei Svaldi O Segredo na Floresta é o segundo quadrinho do universo Ordem Paranormal lançado pela Jambô e narra os acontecimentos da primeira parte da temporada do RPG transmitido no canal de Lange, na plataforma Twitch. A adaptação levou cerca de seis meses para se materializar no papel. O tempo pode até parecer enxuto, mas na prática a evolução do processo depende do sucesso de cada etapa, destaca o diretor-geral da Jambô Editora, Guilherme Dei Svaldi. Saiba quais são as etapas: Etapa de negócios. Etapa criativa e artística. Etapa logística de montagem, comercialização e distribuição. "Resumidamente, reunimos a equipe, analisamos os episódios e montamos algo semelhante a um story board. Depois há uma filtragem. O que leva a história adiante permanece. E, então, o roteiro em si começa a ser escrito. Após, começam as etapas de ilustrações. São quatro fases: lápis, arte final, colorista e letrista. Em seguida, há a revisão e a montagem. Por fim, as ações de comercialização e distribuição”, explica Guilherme. Voltar ao começo Por que O Segredo na Floresta se passa no RS? Lange explica ao g1 que o local da história faz referência a uma experiência de infância: “vi uma gangue de motoqueiros perto da rodoviária da minha cidade”. Ele, que morou em Carazinho, na região Norte do RS, usou a imaginação e as memórias “de crescer em uma área rural isolada” para criar a gang Gaudérios Abutres e a cidade Carpazinha, onde se passa a narrativa de Segredo na Floresta. Isso tudo alinhado à trama sombria e enigmática dá uma atmosfera de Twin Peaks, série do diretor americano David Lynch, ao interior gaúcho. Voltar ao começo Game de Ordem Paranormal chega em 2024 Em uma nova fase do projeto, o primeiro semestre de 2024 será marcado pela entrada da franquia no cenário dos jogos digitais, com o lançamento de Enigma do Medo, um jogo de computador em desenvolvimento pelo estúdio Dumativa e com publicação pela Nuuvem (assista ao trailer acima). Segundo Rafael Bastos, produtor da Dumativa, desde que foi anunciado, "o jogo tem criado bastante expectativa no público", não apenas por ser um jogo de exploração ambientado no universo de Ordem Paranormal, mas por contar com grandes nomes da dublagem brasileira, como Guilherme Briggs (voz do Buzz Lightyear) e Wendel Bezerra (vozes do Goku e Bob Esponja). Enigma do Medo ainda terá localização em inglês e espanhol. VÍDEOS: Tudo sobre o RS

source https://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2023/12/22/live-quadrinho-cellbit.ghtml
Postagem Anterior Próxima Postagem

Ads

Facebook