O Assunto #1.095: STF e PGR - os escolhidos de Lula


Foram quase dois meses de espera, até que nesta segunda-feira (27) o presidente Lula anunciou a indicação de Flávio Dino para uma vaga no Supremo, e de Paulo Gonet para a Procuradoria-Geral da República. Agora, Dino e Gonet devem ser sabatinados pelos senadores e ter os nomes aprovados em Plenário. Você pode ouvir O Assunto no g1, no GloboPlay, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, na Deezer, na Amazon Music, no Hello You ou na sua plataforma de áudio preferida. Assine ou siga O Assunto, para ser avisado sempre que tiver novo episódio. Foram quase dois meses de espera, até que nesta segunda-feira (27) o presidente Lula anunciou a indicação de Flávio Dino para uma vaga no Supremo, e de Paulo Gonet para a Procuradoria-Geral da República. Agora, Dino e Gonet devem ser sabatinados pelos senadores e ter os nomes aprovados em Plenário. Para explicar as decisões de Lula, analisar o estado das relações entre os Três Poderes e discutir o que esperar de Dino e de Gonet caso sejam aprovados, Natuza Nery recebe Andréia Sadi, apresentadora da Globonews, e colunista do g1. Neste episódio: Sadi aponta que a data das indicações revela um presidente em busca de pacificar as relações entre os Três Poderes, dias depois de o Senado aprovar a PEC que limita a atuação do STF: "A gente veio de uma semana em que uma crise estava se desenhando"; A jornalista sinaliza como, com os nomes de Dino e Gonet, Lula agradou o Senado, o Supremo e “deixa na chuva o PT”, partido que tinha outros nomes na lista de preferências para as duas vagas. “Lula, no jogo de agradar as várias alas, só desagradou o partido”, resume; Ao comentar a escolha para o STF e como a diversidade fica prejudicada na Corte, Sadi fala que o nome da ministra Simone Tebet é apontado como opção para comandar a Justiça, na vaga aberta por Dino; Sadi e Natuza concluem a conversa analisando a indicação de Paulo Gonet à PGR, um nome mais conservador, e o que a escolha diz sobre o governo Lula 3. “Lula não se apaixonou por Gonet”, resume. “O nome está na cota dos ministros do Supremo, apoiado por Alexandre de Moraes e Gilmar Mendes”, afirma. “Lula ouviu que se quisesse previsibilidade, indicaria Gonet”, finaliza. 🔔 O g1 agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar O que você precisa saber: FLÁVIO DINO: Indicado de Lula deixou carreira de juiz em 2007 Dino diz que vai dialogar pela aprovação no Senado RELEMBRE: Frases de Dino sobre STF, drogas, aborto e outros temas PAULO GONET: Quem é o indicado de Lula para comandar o Ministério Público 'Honra e responsabilidade', diz Gonet após ser escolhido por Lula Se aprovado, Gonet vai assumir investigações de atos golpistas e Bolsonaro REPERCUSSÃO: 'Dois grandes juristas', veja como políticos e autoridades reagiram Dino e Gonet vão ter que passar por sabatina e votação no Senado Lula demorou quase dois meses para escolher indicados ao STF e à Procuradoria-Geral VEJA CORTES DO PODCAST O ASSUNTO EM VÍDEO O podcast O Assunto é produzido por: Mônica Mariotti, Amanda Polato, Lorena Lara, Gabriel de Campos, Luiz Felipe Silva, Thiago Kaczuroski e Eto Osclighter. Apresentação: Natuza Nery. Natuza Nery, apresentadora do podcast O Assunto g1

source https://g1.globo.com/podcast/o-assunto/noticia/2023/11/28/o-assunto-1095-stf-e-pgr-os-escolhidos-de-lula.ghtml
Close Menu