Governo lança 'Observatório da Democracia' com ex-ministro do STF na presidência


Ricardo Lewandowski foi escolhido para comandar órgão, que será responsável por produzir relatórios e promover debates sobre o fortalecimento da democracia. Monumento dois candangos, na Praça dos Três Poderes, em Brasília Toninho Tavares/Agência Brasília O presidente Lula (PT) publicou um decreto instituindo o "Observatório da Democracia da Advocacia-Geral da União". Segundo o governo, o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski foi nomeado para presidir o órgão. A medida foi publicada na edição do Diário Oficial da União desta quarta-feira (27). De acordo com o decreto, o observatório funcionará como um ambiente institucional para discutir temas relacionados ao fortalecimento da democracia. Entre as tarefas que o órgão desempenhará estão: estudos e análises de dados sobre a democracia; debates sobre a manutenção do equilíbrio democrático no país; produzir pesquisas sobre ações que possam fortalecer a integração entre os poderes. O conselho do observatório será formado por nove pessoas, sendo sete da sociedade civil e duas indicadas pela Advocacia-Geral da União (AGU). O órgão estará vinculado à Escola Superior da AGU e não terá qualquer tipo de atividade judicial. Escolha de Lewandowski O ex-ministro Ricardo Lewandowski durante sessão no plenário do STF em dezembro de 2021 Rosinei Coutinho/SCO/STF A AGU informou que escolheu o ex-ministro do STF Ricardo Lewandowski para presidir o observatório. A posse dele está marcada para acontecer em uma cerimônia, nesta quarta-feira. Lewandowski foi ministro do STF durante 17 anos e se aposentou do cargo em abril deste ano, um mês antes de completar 75 anos. O ex-ministro também foi presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), sendo um dos responsáveis pela implementação das audiências de custódia.

source https://g1.globo.com/politica/noticia/2023/09/27/governo-lanca-observatorio-da-democracia-com-ex-ministro-do-stf-na-presidencia.ghtml
Close Menu