Corpos de vítimas de acidente de avião no AM devem ser liberados nesta segunda


SSP-AM informou ao g1 que a previsão da liberação dos corpos é para esta segunda. No entanto, tudo dependerá da documentação dos familiares. Familiares das vítimas em frente ao IML, em Manaus. Bianca Fatim/g1 AM Os corpos das 14 vítimas de um acidente de avião em Barcelos, no interior do Amazonas, deverão ser liberados ao longo desta segunda-feira (17), segundo a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). As vítimas foram removidas do local do acidente e levadas para o Instituto Médico Legal (IML), em Manaus, na tarde deste domingo (17). O acidente que aconteceu no sábado (16) é considerado o que registrou mais mortes no Brasil desde 2011. Familiares das vítimas da queda do avião em frente ao IML. Luana Lima/Rede Amazônica A SSP-AM informou ao g1 que a previsão da liberação dos corpos é para esta segunda. No entanto, tudo dependerá da documentação dos familiares. “As equipes estão trabalhando para fazer a liberação o mais breve possível, seguindo todos os protocolos de identificação”, informou a assessoria da SSP-AM. Carros de funerária em frente ao IML, em Manaus. Gato Júnior/Rede Amazônica A empresa ManausAerotáxi, de onde o avião é um Embraer EMB-110 foi fretado, pagou a funerária São Francisco para realizar o translado dos corpos. A funerária confirmou ao g1 que os familiares de todas as 14 vítimas estavam em Manaus para realizar o reconhecimento. Corpos de vítimas de acidente aéreo chegam em Manaus Lucas Bello, Rede Amazônica Os corpos chegaram na capital amazonense por volta das 16h50, em aeronaves da Base Aérea de Manaus, no Aeroporto de Ponta Pelada, na Zona Sul de Manaus. O acidente Acidente de avião no AM deixa 14 mortos Arte g1 O avião de pequeno porte que levava 14 pessoas caiu em Barcelos, no interior do Amazonas, na tarde de sábado (16). O avião é um Embraer EMB-110 "Bandeirante" , prefixo PT-SOG, fabricado em 1991, com capacidade de até 18 passageiros, da empresa ManausAerotáxi. Ele decolou de Manaus com destino a Barcelos. Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a situação da aeronave era "regular". A aeronave estava carregada com itens de pesca esportiva. O mau tempo da região pode ter contribuído para o acidente. Segundo a Defesa Civil, chovia forte momentos antes da queda do avião que levava turistas brasileiros para pescar no Rio Negro, em Barcelos. Duas aeronaves que iriam pousar na pista de Barcelos antes do voo que acidentou cancelaram a aterrissagem por questões de segurança. Força Aérea Brasileira e Polícia Civil do Amazonas investigam acidente aéreo em Barcelos O Secretário de Segurança Pública do Amazonas, Coronel Vinícius Almeida, disse que, embora ainda não se tenha dados conclusivos sobre o que teria acontecido, segundo relatos de moradores, "a aeronave chegou a aterrissar, mas não teve pista suficiente para frear". Segundo o governo estadual, ainda não é possível determinar as causas do acidente, e as investigações ficarão a cargo do Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA VII) e da Polícia Civil do Amazonas. Vídeos mais assistidos do Amazonas

source https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2023/09/18/corpos-de-vitimas-de-acidente-de-aviao-no-am-devem-ser-liberados-nesta-segunda.ghtml
Close Menu