Rompimento de tubulação causa estrondo e clarão na CSN em Volta Redonda


Empresa afirmou que tubulação não estava em funcionamento e que ninguém se machucou. CSN afirmou que não houve incêndio ou dano ambiental. Bombeiros foram chamados em Volta Redonda após estrondo na CSN Redes sociais O rompimento de uma tubulação da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) causou um estrondo e clarão em Volta Redonda (RJ), na noite desta segunda-feira (3). A empresa informou que não há feridos. Compartilhe no WhatsApp Compartilhe no Telegram A CSN disse que o rompimento atingiu uma tubulação da Central Termoelétrica da Usina Presidente Vargas, que não estava em funcionamento, por volta das 21h10. Os bombeiros foram chamados, mas não houve incêndio, segundo a empresa. "Apesar do estrondo e do clarão, nenhuma pessoa foi atingida em qualquer nível", afirmou. A companhia informou ainda que não houve qualquer tipo de dano ambiental. Leia a nota completa mais abaixo. Nas redes sociais, moradores relataram ter ouvido o estrondo. Veja a seguir: Initial plugin text Initial plugin text Initial plugin text Initial plugin text Nota da CSN "Uma tubulação da CTE (central termoelétrica) da Usina Presidente Vargas se rompeu, por volta das 21h10 desta segunda-feira, dia 03/07. A caldeira da referida tubulação estava fora de funcionamento no momento do episódio. Apesar do estrondo e do clarão, nenhuma pessoa foi atingida em qualquer nível. Os bombeiros foram acionados por precaução e protocolo, mas não houve incêndio. Também não ocorreu qualquer tipo de dano ambiental." VÍDEOS: mais assistidos do g1

source https://g1.globo.com/rj/sul-do-rio-costa-verde/noticia/2023/07/03/rompimento-de-tubulacao-causa-estrondo-e-clarao-na-csn-em-volta-redonda.ghtml
Close Menu