Parada do Orgulho LGBT+ acontece em SP neste domingo com Pabllo Vittar, Daniela Mercury, FlashMob e recursos de acessibilidade


Confira a ordem dos 19 trios elétricos que desfilam nesta edição, veja o que muda no trânsito da cidade e saiba mais detalhes sobre o evento, que terá início às 10h, na Avenida Paulista. Desfile da 22ª edição da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, em 2019 Kevin David/A7 Press/Estadão A 27ª Parada do Orgulho LGBT+ acontece neste domingo (11) na cidade de São Paulo. Participam da festa tanto artistas veteranos — como Pabllo Vittar, Pocah, Daniela Mercury, Paulete Pink e Majur — quanto novatos, como Thiago Pentaleão. (confira programação abaixo) A previsão é de tempo firme na capital. Por volta das 10h, a temperatura deve estar na casa dos 24ºC; no meio da tarde, às 14h, máxima de 28ºC. À noite, o termômetro deve marcar 16ºC às 22h. Não há previsão de chuva. Neste ano, 19 trios elétricos desfilam no tradicional trajeto da Avenida Paulista até a Praça Roosevelt, no Centro da capital, a partir das 10h; A Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência auxilia na preparação de uma área elevada para que pessoas com deficiência e mobilidade reduzida possam descansar; Haverá o cordeamento para que esse público possa curtir a marcha até o ponto final. Além disso, um FlashMob será realizado em homenagem à artista Kaká Di Polly, ícone das drag queens que faleceu em janeiro deste ano; De forma simbólica, drags se deitarão na Avenida Paulista, em frente ao primeiro carro do desfile, para um registro fotográfico. Pabllo Vittar na 26ª edição da Parada do Orgulho LGBT+ Celso Tavares/g1 Tema da Parada Assim como na última edição, o tema desta Parada está relacionado à luta pela garantia de direitos para a população LGBTQIAP+, especialmente na área de assistência social: "Queremos políticas sociais para LGBT+ por inteiro e não pela metade". Tema da 27ª Parada LGBT+ de São Paulo Divulgação/APOLGBT-SP Segundo o manifesto da 27ª Parada, divulgado pela APOLGBT-SP — associação responsável pela organização do evento em São Paulo—, as políticas públicas brasileiras não possuem um olhar voltado para a comunidade LGBTQIAP+ e o Sistema Único de Assistência Social (SUAS) se mostra fragilizado quando se trata dessa parcela da população. "Chegou a hora de a Parada ser um instrumento para evidenciar os diversos dilemas vividos pela população LGBT+ que se encontra em situação de rua, com a falta de moradia e empregos, pobreza e exclusão social. É necessário discutir temas evidenciados na política de assistência social que possam gerar respostas e soluções para os problemas que estamos enfrentando", diz o manifesto. Ordem dos trios elétricos Organizações de Parada do Orgulho LGBT+ do Brasil Famílias LGBT+ Prefeitura I — Artista: Aristela Prefeitura II — Artista: Megam Scott Prefeitura III — Artista: Márcia Pantera HIV/Aids — Artistas: Xênia Star, Luh Marinatti, Lorran Ciriaco Pessoas aliadas — Artista: Filipe Catto Rede de orgulho — Artista: Kauan Russell Patrocinadores — Artistas: Brunelli, Juan Nym, Dj Zuba Lésbicas — Artistas: Ana Dutra e Laura Finochiaro Patrocinador — Artistas: Pabllo Vittar, Salete Campari, Dj Transalien Gays — Artistas: Fiakra, Tiago Cardoso, Gustavo Vianna e Douglas Penido Patrocinador — Artistas: Daniela Mercury, Agrada Gregos e Paulete Pink Bi+ — Artistas: PC e Litta Patrocinador — Artistas: Majur, Thiago Pantaleão e Cris Negrini Travesti/Trans — Artistas: Boombeat, Lorenzo Zimon e Nick Cruz Patrocinador — Artistas: Urias, Grag Queen, Minhoqueens e Mama Darling Patrocinador — Artistas: Pocah, WD, DJ Heey Cat e Batekoo Diretoria da APOLGBT-SP — Artistas: Bixarte, Luana Hansen e Tico Malagueta O que muda no trânsito de SP A 27ª Parada do Orgulho LGBT vai alterar o trânsito na Avenida Paulista e outros pontos da região central da capital. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) vai monitorar o trânsito a partir das 5h até as 21h. Interdições do trânsito estão programadas na Avenida Paulista desde o início da manhã. A avenida será fechada para os carros a partir das 8h. As alterações serão na Paulista desde a Praça Oswaldo Cruz até a Praça do Ciclista. Em outro trecho, na Rua da Consolação, da Praça do Ciclista até a Praça Roosevelt. Clique aqui para mais detalhes. Serviço Quando: domingo, 11 de junho Onde: Avenida Paulista, a partir das 10h Trajeto: Av. Paulista, R. da Consolação e Praça Roosevelt Avenida Paulista recebe a 26º Parada LGBT+ neste domingo (19) Cléber Cândido/TV Globo

source https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2023/06/11/parada-do-orgulho-lgbt-acontece-em-sp-neste-domingo-com-pabllo-vittar-daniela-mercury-flashmob-e-recursos-de-acessibilidade.ghtml
Close Menu