Coreia do Sul fala sobre 'possível interferência' de embaixador chinês nas relações do país e China reage


Governo chinês classificou críticas sul-coreanas de "reação imprópria" e expressou "séria preocupação". Bandeira da Coreia do Sul AP Photo/Lee Jin-man A Coreia do Sul convocou, na última sexta-feira (9), o embaixador da China no país para emitir um protesto contra alegações do representante chinês sobre as relações entre o país e os Estados Unidos. O embaixador alertou o governo sul-coreano para não fazer "apostas erradas" no que diz respeito à rivalidades entre China e o país norte-americana, o que Seul classificou como uma afirmação "provocativa" e "possíveis interferências" nos assuntos internos do país. Após a conversa entre a Coreia do Sul e o representante chinês foi a vez da China convocar, neste sábado (10), o embaixador sul-coreano para reclamar sobre as críticas de Seul. De acordo com a mídia estatal chinesa, o ministro adjunto das Relações Exteriores da China, Nong Rong, expressou sua "séria preocupação e insatisfação" com a "reação imprópria" de Seul aos comentários, feitos durante uma reunião com o líder do partido de oposição da Coreia do Sul. LEIA MAIS China e Rússia lançam patrulha aérea conjunta, e Japão e Coreia do Sul respondem com caças e jatos Por que Coreia do Sul paga jovens reclusos para saírem de casa

source https://g1.globo.com/mundo/noticia/2023/06/11/coreia-do-sul-fala-sobre-possivel-interferencia-de-embaixador-chines-nas-relacoes-do-pais-e-china-reage.ghtml
Close Menu