Bombas e vandalismo na Vila Belmiro: veja imagens da confusão no clássico

A vitória do Corinthians sobre o Santos, nesta quarta-feira (21), na Vila Belmiro, foi manchada por cenas de vandalismo da torcida da casa. A partida precisou ser encerrada aos 42 minutos do segundo tempo, por falta de segurança.

O Peixe perdia por 2 a 0 desde o primeiro tempo, com gols de Yuri Alberto e Ruan Oliveira. Já na saída para o intervalo, a torcida santista protestava muito contra os jogadores, o técnico Odair Hellmann e a diretoria do clube, mas sem violência.

Quando a partida se aproximava do fim, torcedores presentes em um dos setores de arquibancada começaram a arremessar bombas e sinalizadores na direção de Cássio, goleiro do Corinthians, que já havia sido agredido na Vila Belmiro, ano passado.

A partida foi interrompida e Cássio gesticulou para o árbitro Leandro Pedro Vuaden encerrar o clássico. O goleiro também mobilizou os companheiros, para que deixassem o gramado e fossem ao vestiário.

Diante da tensão, que não diminuía, Vuaden optou pelo encerramento da partida antes mesmo dos 45 minutos regulamentares da etapa final.

STJD vai pedir interdição da Vila Belmiro

O procurador geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Ronaldo Piacente, pedirá a interdição imediata da Vila Belmiro por causa das cenas de violência no estádio.

Segundo apurou a Itatiaia, o duelo contra o Flamengo — marcado para domingo (25), às 18h30 (de Brasília), pela 12ª rodada — pode ser adiado ou realizado em outro estádio.

Jogadores do Santos foram retirados do campo por policiais

Por causa da confusão, às pressas, jogadores e membros da comissão técnica foram conduzidos até o vestiário por policiais militares. Contudo, anteriormente, ficaram por um longo período no centro do gramado para evitar que fossem atingidos com os artefatos explosivos.

Em virtude de medidas de segurança, o Santos cancelou a entrevista do técnico Odair Hellmann após a derrota para o Corinthians nesta quarta-feira (21), na Vila Belmiro.

Torcedores vandalizaram o estádio

Com a revolta da torcida do Santos, os jogadores do Peixe permaneceram concentrados na região central do campo por vários minutos. A equipe de segurança do estádio se prontificou a escoltar os jogadores ao vestiário quando o clima nas arquibancadas se acalmou.

Antes de a confusão ser controlada pela Polícia Militar, os torcedores do Santos ainda vandalizaram a Vila Belmiro. Pedaços de ferro dos guarda-corpos foram danificados e atirados no gramado.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Bombas e vandalismo na Vila Belmiro: veja imagens da confusão no clássico no site CNN Brasil.



source https://www.cnnbrasil.com.br/esportes/bombas-e-vandalismo-na-vila-belmiro-veja-imagens-da-confusao-no-classico/
Close Menu